Como identificar Rogues e como evitá-los

Nos últimos anos, tem crescido o número de falsos antivírus ou rogues – malwares que simulam soluções de segurança – disponíveis na internet. Na prática, essas soluções falsas informam aos usuários sobre uma suposta existência de infecção no equipamento. A partir daí, as pessoas são induzidas a baixar uma versão completa da solução de segurança e, claro, pagar por ela. O objetivo principal dessas soluções é assustar e convencer os usuários de que seus computadores estão em risco, induzindo-os a comprar um antivírus falso.

Os rogues são espalhados pelos mesmos métodos utilizados por outros malwares, ou seja, por meio de download, acesso a sites, uso de pen drives, abertura de e-mails, entre outros. Uma prática comum também é o envio de e-mails falsos, chamados de hoax, que avisam os usuários sobre uma infecção do equipamento e os induzem a fazer o download de um antivírus rogue. Em alguns casos, o código malicioso (rogue) se instala automaticamente na máquina, sem que o usuário baixe o programa.

Do lado dos usuários, além dos prejuízos financeiros, esses rogues geram um outro problema: uma falsa sensação de segurança. Já que as pessoas acreditam que seus equipamentos estão seguros – com a instalação do antivírus –, quando na verdade estão totalmente desprotegidas.

A seguir, seguem algumas dicas de como não ser vítima dos rogues:

1) Assegure-se que o antivírus é fornecido por uma empresa legítima;

2) Verifique se o vendedor do produto conta com um site oficial e um suporte técnico;

3) Ignore programas que primeiramente efetuam um scan no computador e depois exigem pagamento para ativação do antivírus;

4) Descarte mensagens a respeito de infecção que aparecem randomicamente, quando estiver navegando na internet;

5) Fique atento a questões como download no computador sem autorização do usuário ou a detecção de uma grande quantidade de códigos maliciosos ao fazer uma análise, sem identificar os arquivos infectados.

Agradeço ao Davi, amigo e colaborador do Seu micro seguro, pela referência a esta notícia.

Fonte: itweb

Os comentários estão desativados.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 498 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: