DriveSentry Desktop

O DriveSentry Desktop é um antivírus com uma base de dados que contém assinaturas de aproximadamente 4 milhões de vírus existentes. Ele possui uma lista negra (blacklist) e uma lista branca (whitelist), ambas responsáveis por catalogar programas considerados perigosos ou seguros, além de diversas opções.

A proteção em tempo real do programa funciona impedindo que softwares maliciosos alterem quaisquer informações importantes do  computador. Em suas opções, é possível configurar o nível de proteção de forma a fazer com que somente aplicativos com a autorização do usuário sejam capazes de realizar alterações em arquivos e pastas específicos.

Assim como quaisquer outros antivírus, o DriveSentry Desktop  conta com sistemas de quarentena e de varreduras em busca de vírus. Na quarentena ficam os arquivos considerados perigosos pelo programa, que, por sua vez, depende da varredura para colocá-los lá.

———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————–

Consumo médio de memória RAM:  35 – 45  MB (em stand-by 5 minutos)

Consumo médio de recursos do processador: Baixo

Impacto geral sobre o sistema:  Baixo

Sistema:  Windows 2000/XP/Vista/7

Condição: Software grátis

Neste teste, o DriveSentry Desktop v3.4.0.20 é colocado frente a vários links contendo arquivos nocivos. Assista ao vídeo e conheça os resultados e  a performance deste software frente às ameaças a que  foi exposto:

2 Responses to DriveSentry Desktop

  1. Christian Renan says:

    O DriveSentry precisa mesmo melhorar e muito o seu detector de Comportamento,pra fazer frente a essas ameaças mais graves que são os Rootkits e que causam muitas vez uma destruição geral do Hd,Nunca ouvi falar nesse DriveSentry na minha opinião esse programa é desconhecido.

    Saiu Hoje a versão dos 2.0 do Microsoft Segurity Essential, eu gostaria q vc fizesse um novo teste como essa versão que e a versão final do antivirus da Microsoft, tá bom Victor

    • Victor Hugo says:

      Christian,
      Eu esperava mais do DriveSentry e foi com uma certa dose de decepção ao término do teste tendo constatado que ele falhou na detecção de algumas ameaças especialmente de rootkits. Este programa sem dúvida alguma precisa de melhorias em seu detector de comportamento para encarar as ameaças mais recentes da Internet.
      Vou conferir a última versão do Microsoft Security Essentials 2.0 e providenciar um teste para logo.
      Muito obrigado pelo seu comentário e pela informação a respeito do MSE,

      Att, Victor

%d blogueiros gostam disto: