A segurança do Google Chrome

logo-google-chrome

A primeira coisa que se deve ter em mente ao discutir recursos de segurança no navegador Chrome do Google é que as melhores opções não estão incorporadas a ele; elas são oferecidas como extensões, aplicativos e plug-ins na loja virtual do Chrome.

Há, entretanto, alguns recursos de segurança muito úteis, que já fazem parte do Chrome. Eles estão nas seções de configurações do navegador. É preciso rolar a tela para baixo e clicar em “Show advanced settings…” (mostrar configurações avançadas); a primeira seção é “Privacy” (Privacidade). Há muito material técnico nesse ponto que pode afetar a sua navegação e você vir a se confundir; então, vamos nos fixar apenas nos tópicos simples. Você pode optar por bloquear pop-ups. Pode também fazer com que os sites tenham que solicitar permissão quando pretenderem rastrear sua localização física ou desautorizar totalmente esse tipo de rastreamento. Há também sites que desejam usar sua câmera ou seu microfone. Você tem a opção de desativar essa opção permanentemente ou, no mínimo, fazer com que esses sites precisem da sua permissão para usar tais dispositivos.

Voltando à área de configurações avançadas, você pode marcar uma caixa para ativar a proteção contra phishing e malware. Quando essa proteção estiver ativada e você se encaminhar a um site assinalado pelo Google como potencialmente mal-intencionado, o Chrome acionará uma página de aviso, alertando que a página que você está tentando visitar pode danificar de algum modo seu computador ou tentar roubar suas informações pessoais.

Abaixo dessa opção, está a seção de senhas e formulários. Como também acontece com o navegador Firefox, não há meios para proteger essas senhas depois que alguém estiver no seu computador. Se você permitir que o Chrome salve suas senhas, elas serão armazenadas nessa seção. Quando você clicar em “Manage saved passwords” (gerenciar senhas salvas), suas senhas salvas aparecerão obscurecidas, mas você só precisará clicar em qualquer uma das contas individuais, escolher a opção de exibição e lá estarão elas, em texto simples.

O recurso “Do not track” (não rastrear) muito conhecido dos usuários do Firefox ainda não está disponível no Chrome, mas, até o final do ano, ele deverá ser uma opção selecionável na seção de privacidade das configurações do Chrome. Enquanto isso, há alguns ótimos plug-ins de privacidade e segurança já existente como por exemplo o excelente BitDefender TrafficLight.

Agradeço ao Lucas, amigo e colaborador do Seu micro seguro, pela referência a esta matéria.

Fonte: Kaspersky blog
Com partes editadas pelo Seu micro seguro

2 Responses to A segurança do Google Chrome

  1. José Pinheiro says:

    Caros amigos Victor Hugo e colaboradores,

    Parabéns por esta excelente dica publicada neste post. Continuem assim!

    Grato.

    • Victor Hugo says:

      José Pinheiro,
      Agradecemos a você pelo seu comentário relacionado a esta notícia em destaque aqui no Seu micro seguro!

%d blogueiros gostam disto: