63% das empresas brasileiras não sabem se houve perda de dados em ataques

cadeadoUma pesquisa realizada com cinco mil profissionais de TI e Segurança de TI de todo o mundo revela que apenas 37% dos entrevistados sabem dizer com certeza se a sua companhia perdeu informações sensíveis ou confidenciais num ataque virtual.

O estudo, que foi realizado pelo Instituto Ponemon a pedido da Raytheon|Websense, ainda mostra que no Brasil esse número foi de 23%. Cerca 35% dos entrevistados que perderam informações sensíveis não sabem afirmar exatamente quais dados foram roubados. No Brasil, esse índica é ainda mais assustador, com 63% dos entrevistados não tendo a menor ideia se a empresa perdeu algum dado.

O resultado da pesquisa aponta também a importância da adoção de ferramentas e processos para a prevenção de roubo de dados entre os CISOs e CIOs, que seguem lutando para defender informações críticas aos negócios de suas organizações para que elas se mantenham competitivas.

Na Conferência Gartner Security & Risk Management 2015, que aconteceu no início desta semana em São Paulo, os especialistas da Raytheon|Websense demonstraram a eficácia de uma solução de DTP para identificar os dados críticos de uma empresa. Eles se protegeram de ataques avançados e sofisticados, evitando o vazamento de informações.

O processo também deve recuperar a visibilidade e o controle de todas as informações sensíveis, independentemente de onde estejam e da forma em que são usadas.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Canaltech Corporate

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: