Cresce o sequestro de dispositivos Android

graficoUm estudo divulgado pela empresa de segurança na internet Eset nesta semana mostra que o número de ataques ramsomware a celulares Android tem crescido nos últimos meses. De acordo com a companhia, a infecção pode bloquear a tela inicial, travar o PIN ou encriptar os dados, fazendo com que o usuário perda dados e até sofra danos financeiros.

A ESET encontrou novas famílias do malware, como o Lockscreen e o Crypto, que adotam técnicas similares à das versões antigas, usadas em dispositivos com o sistema operacional Windows. Assim como acontece no PC, o arquivo malicioso bloqueia a tela do dispositivo, acusando falsamente a existência de conteúdo ilegal. Para liberar o acesso, os criminoso pedem um resgate.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Olhar Digital

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: