Ubuntu apresenta falhas de segurança

UbuntuOs 15 problemas encontrados foram corrigidos. Nenhum deles era de extrema gravidade, o mais sério deles, o CVE-2015-8767, que permite que o computador seja comandado remotamente.

Falhas de segurança foram identificadas no kernel (núcleo) do Ubuntu, que é desenvolvido pela Canonical. No total, 15 problemas estavam afetando as edições 12.04, 14.04 e 15.10 do sistema operacional.

A boa notícia é que eles podem ser corrigidos com uma atualização do componente. As falhas foram descritas em avisos de segurança do Ubuntu, que apresentam os riscos de continuar usando o sistema operacional sem a devida atualização. Os problemas foram descobertos por desenvolvedores e hackers de Linux.

A Canonical toma providências

Os 15 problemas encontrados foram corrigidos. Nenhum deles era de extrema gravidade, o mais sério deles, o CVE-2015-8767, que permite que o computador seja comandado remotamente, dando chances ao invasor de travar toda a máquina. As outras brechas não são consideradas portas de entrada para invasores, apenas permitem que informações possam ser surrupiadas por hackers. A Canonical esclarece que para corrigir o problema é necessário realizar a atualização do sistema.

O processo é bastante simples, basta que seja usado um comando dentro do Terminal para dar ordem de pedido do update: sudo apt-get update && sudo apt-get dist-upgrade O comando acima irá fazer com que se inicie o processo de atualização do Ubuntu. Assim, o sistema operacional irá buscar por pacotes atualizados em repositórios de confiança para vários aplicativos e recursos, bem como ampliar as modificações oficiais do kernel que são feitas pela Canonical.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Oficina da Net

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: