Novo golpe no facebook promete vídeo porno como isca para enganar usuários

facebookmalwareUma nova campanha de malware vem focando nos usuários brasileiros do Facebook para espalhar links maliciosos pela rede social, segundo a empresa de segurança Kaspersky Lab.

No total, os criminosos usam 93 domínios, sendo que a maioria deles não conta com nenhum conteúdo salvo neles. Uma boa parte dos posts maliciosos exibe vídeos do domínio “motoresporte.com”.

De acordo com a companhia, o golpe em questão usa o perfil das vítimas para compartilhar links de supostos vídeos com conteúdos sensacionalistas, como pornografia e traição, além de citar nomes de celebridades, como uma forma de atrair cliques.

Quando o usuário clica no link malicioso, é solicitado que autorize o acesso de uma aplicação no seu perfil do Facebook. Mas, como alerta a Kaspersky, ao fazer isso “o proprietário passa o controle da conta e seus dados pessoais (como e-mail) para o cibercriminoso, que passará a usar o perfil comprometido para ampliar a disseminação do golpe na rede social”.

Vale notar que essa aplicação maliciosa foi programada pelos criminosos para ser executada tanto na versão desktop quanto móvel do Facebook.

Perigos

“Ao conquistar o controle dos perfis e conseguir os dados pessoais dos proprietários, o criminoso passará a ter uma base gigantesca de contas comprometidas, que poderão ser vendidas a golpistas interessados ou serem usadas para disseminar outras campanhas”, afirma o analista sênior de segurança da Kaspersky no Brasil, Fabio Assolini, que destaca ainda o fato da campanha acontecer toda dentro da rede social de Mark Zuckerberg.

Como se proteger

Para remover o app malicioso, é necessário acessar as configurações do Facebook de um desktop e ir na opção “Aplicativos”, explica a Kaspersky. Nesta página, o usuário deve remover todos os aplicativos desconhecidos – entre eles estarão os aplicativos desta campanha, que se apresentam como aeroplay.top; aguiavideos.top; asiavideos.top, entre outros.

Outra ação essencial é trocar a senha depois de remover os aplicativos. Caso contrário, os criminosos ainda terão acesso ao perfil da vítima.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: IDG Now!

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: