Macs não pegam vírus….é coisa do passado

Lembra quando as pessoas falavam que uma das coisas boas em se ter um Mac era que não havia contaminação por vírus? Isso até era verdade até um tempo atrás, mas agora a coisa mudou: segundo um relatório da McAfee, as ameaças de malware cresceram nada menos que 744% apenas no ano de 2016.

Com o crescimento da popularidade dos computadores da Apple, criminosos responsáveis pela criação de malwares cresceram os olhos para o lado dos Macs e criaram uma enxurrada de arquivos maliciosas para atacar esse sistema. Segundo o relatório de segurança (McAfee Threats Predictions), novos malwares para Mac OS cresceram 637% apenas na virada do segundo para o terceiro trimestre do ano passado.

Arquivos maliciosos

Esse crescimento repentino e vertiginoso aconteceu graças, em grande parte, a um pacote específico de adware que atingiu um grande número de usuários do sistema operacional da Apple. Com um crescimento de mais 245% no último trimestre do ano, o número de 2016 acabou nas alturas.

Mesmo com um aumento proporcional absurdo no número de malwares para Mac, a quantidade total ainda é extremamente menor do que para Windows

Porém, mesmo com um aumento proporcional absurdo no número de malwares para Mac, a quantidade total ainda é extremamente menor do que para Windows, que conta com cerca de 630 milhões de tipos diferentes de arquivos maliciosos até 2016, conforme o relatório da McAfee apurou.

Além disso, vale lembrar também que esse número de malwares para Mac é um pouco exagerado por parte da empresa de segurança que fez o relatório, visto que a McAfee considerou nessa contagem diversos adwares que, tirando o fato de incomodar com publicidade indesejada, são praticamente inofensivos.

Uma Feliz Páscoa todos os amigos do seu micro seguro!

Fonte: Tecmundo

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: