A criptomoeda do Whatsapp

O Facebook está trabalhando em uma criptomoeda que poderá ser utilizada para fazer transações financeiras no WhatsApp. É o que o informa uma reportagem da agência de notícias Bloomberg, que conversou com pessoas próximas ao assunto. A ideia seria lançar a opção primeiramente para os usuários do aplicativo de mensagens na Índia.

A agência nota, ainda, que o Facebook fez uma série de contratações para a área e conta atualmente com uma equipe de 40 pessoas dedicada ao futuro serviço. Diferentemente do que acontece com as moedas digitais mais conhecidas – como o Bitcoin –, a solução do Facebook seria uma stablecoin, um tipo de moeda que tem seu valor atrelado a uma unidade monetária tradicional.

No caso do WhatsApp, a criptomoeda teria o mesmo valor do dólar dos Estados Unidos. Isso seria feito para garantir que as transações não estariam suscetíveis à possível volatilidade da moeda. Um dos principais públicos da novidade deve ser o de indianos que moram fora do país, mas desejam enviar dinheiro para os parentes que ficaram por lá.

Questionado sobre o caso, um porta-voz do Facebook disse apenas que a empresa está sempre “explorando maneiras de alavancar o poder da tecnologia blockchain” e que a equipe está explorando diversas possibilidades de aplicações diferentes, mas ainda não tem nada para anunciar.

A investigação da agência não confirma se a criptomoeda também será levada para outros mercados de países emergentes onde o WhatsApp é popular, como o Brasil.

Fonte: Tecmundo

2 Responses to A criptomoeda do Whatsapp

  1. José Pinheiro says:

    Caro amigo Victor, com tantos usuários leigos do Facebook, pode-se assim dizer, no que diz respeito à segurança, vai ser uma festa para os hackers. O que você acha?

    • Victor Hugo says:

      Caro José Pinheiro,
      Para milhões de usuários do WhatsApp a adoção de uma criptomoeda irá representar um recurso extra a mais e uma facilidade para compras na rede.
      No entanto, para os cibercriminosos certamente será um terreno fértil para aplicação de golpes e sequestro desses novos recursos financeiros.
      Precisamos ficar atentos e nosso papel é alertar a todos para os riscos inerentes à essas novidades que virão.

      Forte abraço amigo!

%d blogueiros gostam disto: