Microsoft corrige vulnerabilidade do Windows

A empresa de segurança Kaspersky Lab divulgou a descoberta de uma nova falha no Windows que foi utilizada em ataques direcionados nas versões 8 e 10 do sistema operacional da Microsoft. De acordo com a companhia, essa vulnerabilidade 0-day foi explorada por dois grupos especializados em APTs (sigla em inglês para ameaça persistente avançada) conhecidos como SandCat e FruityArmor.

Ainda segundo a Kaspersky, os hackers se aproveitaram de uma vulnerabilidade no subsistema gráfico do Windows para conseguir privilégios locais e controlar os computadores. Antes de ser anunciada publicamente, a falha foi reportada para a Microsoft, que já lançou uma atualização com a correção do problema.

“A descoberta de uma vulnerabilidade desconhecida no Windows e explorada ativamente mostra que essas ferramentas caras e raras continuam interessando muito aos grupos especializados em APTs e as organizações precisam de soluções de segurança capazes de protegê-las contra essas ameaças desconhecidas”, afirmou um especialista da Kaspersky no comunicado oficial da empresa.

Como a falha é no sistema operacional e foi corrigida pela Microsoft no início da semana, a principal recomendação para manter seus computadores seguros é garantir que todas as máquinas estão rodando a versão mais recente do Windows 8 ou do Windows 10.

Fonte: Tecmundo

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: