Comentários Gerais

Me chamo Victor Hugo e sou um verdadeiro apaixonado por informática e especialmente por tudo o que diz respeito à segurança da informação. O objetivo deste blog e dos vídeos postados no You Tube é conscientizar a todos da importância de se ter um computador devidamente protegido utilizando as ferramentas mais adequadas para isto. Todos os dias estou buscando novas informações e novidades e aqueles que acessarem este espaço poderão saber de tudo em primeira mão.

Essa página do seu micro seguro tem por objetivo também de promover a troca de ideias entre os seus usuários, experiências e dicas. Além disso também deseja ser um canal para esclarecimento de dúvidas a todos aqueles que acessam nosso site.

45.574 Responses to Comentários Gerais

  1. Matheus says:

    Prezados,
    Creio ser de interesse geral então compartilharei isso aqui. O usuário que criou um tópico no Fórum da Comodo, questionando sobre bons resultados recentes do Windows Defender da Microsoft, trouxe um vídeo com a análise de um “especialista” da MS reafirmando a suposta superioridade do WD frente aos ataques de Malware, ou como se diz “puxando sardinha” para o WD.

    Resolvi eu mesmo fazer uma análise detalhada do texto do “especialista” da MS, ressaltando como o Comodo age frente a cada situação exposta.

    hXXps://forums.comodo.com/news-announcements-feedback-cis/losing-my-confidence-w-comodo-please-help-me-build-it-back-t124764.0.html;msg891081#msg891081

    Minha opinião: Esse “especialista” do Windows Defender provavelmente está tentando melhorar a reputação de seu produto ou vender seu produto (existem versões pagas do MS Defender para ambientes corporativos). Eu não assisti ao vídeo, mas li o texto.

    Vamos por partes:

    1) “Os ataques usavam exclusivamente ferramentas legítimas do Windows para fazer o download de código que é executado apenas na memória, tornando-se um dos crescentes ataques chamados sem arquivos, já que nenhum executável é executado em disco. Usando ferramentas legítimas – uma estratégia chamada ‘vivendo fora’ a terra ‘- também torna mais difícil para o antivírus detectar. ”

    Resposta: O Comodo já cuida disso através do seu módulo de Análise de Script com seu recurso Detecção de Código, que interrompe ataques sem arquivos ou direcionados a processos legítimos.

    2) “Mais recentemente, a equipe do Microsoft Defender ATP Research explicou como seus modelos de aprendizado de máquina foram endurecidos contra um tipo específico de ataque adversário que funcionou contra os modelos de detecção usados ​​pela empresa de segurança Cylance, pertencente ao BlackBerry.”

    Resposta: O Aprendizado de Máquina é baseado em detecção e a detecção sempre falhará em relação a comportamento mal-intencionado novo ou ainda não conhecido. A abordagem de proteção do Comodo é baseada numa arquitetura Default Deny, o que significa que tudo o que não está na Whitelist do Comodo é um arquivo desconhecido e é bloqueado pelos módulos de Contenção e HIPS.

    3) “Estamos vendo a tendência de técnicas avançadas sendo usadas para entregar malware de commodity. Uma vez que a técnica avançada se torne de conhecimento público, esta próxima seção de atores a usa, como Dofoil”, disse Ganacharya.

    “Era um mineiro de moeda. Não estava tentando roubar informações valiosas, estava apenas tentando ganhar dinheiro com a mineração de moedas.”

    Resposta: As Restrições de Acesso do módulo de Contenção impedem que os Mineradores de Moedas sobrecarregem a CPU. Além disso, se o usuário definir o Comodo para Bloquear Desconhecidos, esse problema simplesmente não existe.

    4) “Um método popular para impulsionar sinais limpos é assinar digitalmente arquivos com certificados de assinatura de código confiáveis, mas obtidos de forma fraudulenta. O infame ransomware LockerGoga que causou estragos na fabricante de metal Norsk Hydro no início deste ano usou essa tática.”

    Resposta: A Comodo oferece aos usuários a opção de modificar a Lista de Fornecedores Confiáveis ​​e desativar a Verificação em Nuvem, para que possam estar protegidos contra Malwares que se utilizem de certificados confiáveis. Além disso, esse tipo de ataque não é tão comum, e geralmente não é direcionado a usuários domésticos, mas sim a grandes organizações.

    • Matheus says:

      Responderam o tópico com um Link para um teste do Avlab.pl de proteção contra Malware Bancário, onde o Windows Defender falhou 9 de 11 testes e o Comodo bloqueou todos os 11 testes (Para o Comodo bloquear os 2 ataques MTM, precisou ser ativado a opção “Defesa contra ARP Spoofing” nas opções de Firewall).

      Mais uma prova de que um bom módulo de Firewall com recursos avançados (e não somente monitoramento de portas como é o do Windows) é ainda necessário nos dias de hoje, ao contrário do que alguns dizem…

      hXXps://avlab.pl/test-software-online-banking-protection

      hXXps://avlab.pl/PDF_avlab/AVLab-Test-of-software-for-online-banking-protection.pdf

      • Matheus says:

        Interpretação do teste

        As amostras usadas no teste eram na verdade ameaças de 0 dia. Desta forma, podemos ver como os módulos de proteção individuais de cada solução testada reagem ao malware recém-desenvolvido e se essas tecnologias realmente funcionam. Não importava se a solução tivesse uma proteção especial de sessão bancária ou não. A tarefa do pacote de segurança é proteger os dados do usuário em todas as situações e é por isso que recomendamos o uso de produtos de empresas de renome. As configurações padrão não são sempre as melhores. É a segurança nativa incorporada no Windows ou software externo – a configuração precisa ser abordada com confiança limitada. Vale a pena usar componentes adicionais que oferecem mais uma camada de proteção. Usuários com mais conhecimento técnico percebem que a configuração padrão nem sempre é a correta. Às vezes, um desenvolvedor decide por um motivo para reduzir o nível de proteção às custas de um melhor desempenho ou para poupar os clientes que, na maioria das vezes, são causados ​​por alarmes muito frequentes. Os usuários da Internet que exigem que o antivírus seja quase totalmente automático representam a maioria dos consumidores em relação a usuários fanáticos por computador que estão cientes das ameaças e ataques à Internet, mas não necessariamente conseguem lidar com eles. Se algo der errado, eles culpam o software por perdas causadas, por exemplo, por ransomware e publicamente dão opiniões negativas. De cada falha, devemos nos tornar mais fortes e mais sábios, por isso precisamos considerar por que o software de segurança não cumpriu sua tarefa e o que poderia ter sido configurado melhor.

        Se, no teste, o malware não foi bloqueado nas configurações padrão, tentamos repetir o teste com um modo bancário ativado, modificando a proteção de forma que uma ameaça desconhecida (ou um ataque) fizesse com que o alerta fosse exibido. Estávamos tentando alterar as configurações de firewall da Internet, módulos IPS / IDS, HIPS e até a verificação heurística para o nível máximo. Também estávamos permitindo controle adicional de aplicativos ou proteção contra tabelas ARP de envenenamento.

        No teste, apresentamos os resultados de dois tipos de ataques relacionados à técnica do homem-no-meio. Estes ataques permitem escutar mensagens transmitidas entre o dispositivo e o roteador na LAN (não necessariamente na rede doméstica), e manipular o site ou roubar logins e senha. Uma proteção contra ataques semelhantes é muito importante em redes públicas. Nesses locais, os ataques MITM são viáveis, portanto, o dispositivo do usuário deve ser protegido adequadamente – o tráfego da Internet deve, preferencialmente, ser criptografado usando VPN.

      • Observador says:

        Caro Matheus,

        Pois é. É mais uma grande prova dos perigos de infecção via “zero day”, que AV’s fracos, como o Windows Defender, são incapazes de deter, em razão de ser novos vírus que não constam nos bancos de dados do AV. E um firewall fraco, mesmo com pessoas com conhecimento, mas sem humildade, dizendo que “hoje em dia não existem mais ataques via firewall”, é uma ótima porta para muitas infecções no PC. Neste ponto, goleada a favor do Comodo Firewall, que, como vc. diz, estando bem configurado, irá brecar zero day e outras formas de invasão do dispositivo.

        Obrigado por nos trazer mais informações importantes aqui. Se o AV da Comodo não é tão eficiente, já o Firewall da empresa, é o melhor do mercado, ganhando dos AV’s pagos e mais completos. Basta configurar bem para maior proteção.

        Abraços.

  2. Observador says:

    Boa noite, caro Matheus,

    Obrigado! É bom saber da necessidade em desinstalar e reinstalar os softwares de segurança para impedir a corrupção dos arquivos. Nobreak é uma necessidade também, porém é muito caro. Quedas de energia causam problemas, mas enquanto não é possível comprar um Nobreak, corro o risco.

    Exato! Ele sempre indica o VLC Media Player e sempre aparece lá no site dele que o dito player está com brechas na segurança. O mesmo acontece com o WinRar. Mas, já vi em outros sites como o VLC Player é uma peneira, mesmo.

    No momento, estou sem player pelos mesmos motivos citados por vc. Por falar em YouTube, o Vimeo é pago. Precisa ter outro canal de streaming, pois parece que o Google quer fazer mudanças na plataforma e é capaz de começar a cobrar também. Tem muito site de streaming que é porta para vírus, já que não existe almoço grátis. Conheço gente que vive pegando vírus nesses site. Vc. conhece algum confiável?

    Abração!

    • Matheus says:

      Observador,

      Usando um bom Bloqueador de Anúncios já deixa a página desses sites de vídeo bem “sanitizada” por assim dizer. Aqui no meu uBlock Origin tenho mais de 20 filtros ativados e quase não vejo anúncios na Web, isso ao custo do Firefox consumir uns 500 a 600 MB de memória.

      De concorrentes diretos ao Youtube, só conheço o Daily Motion e o Metacafe, mas não costumo acessá-los. O Youtube já tem uma versão paga se não me engano chamada Youtube Red. Acho que não tem risco deles cortarem o acesso gratuito aos vídeos, uma vez que o principal lucro da Google é com publicidade (O que existe aos montes no Youtube gratuito, se o usuário não tiver um Bloqueador de Anúncios instalado).

      • Observador says:

        Obrigado novamente, Matheus,

        Vi os dois sites citados por vc. Eles são fraquíssimos. Um deles, tem que criar conta. Creio ter que ficar com o YouTube, mesmo. Faz sentido o Google manter como está, realmente, já existe a versão paga, logo, não há necessidade de tornar todo o YouTube pago. Como já uso o uBlock Origin, então ele já deve evitar contaminação visitando sites de streaming, como vc. diz. Graças a essa extensão, navego no YT sem problema algum

        Li o seu texto sobre o cidadão defendendo o Windows Defender lá no fórum da Comodo, como diria o personagem de filme, é um fanfarrão! Até parece que o WD supera o Av da Comodo ou outro Av qualquer. Penso que até o Avast é melhor que o WD! Ele deve estar levando algum para colocar o AV do Windows como top.

        Obrigado pelo texto que vc. explicou aqui.

        Abraços.

      • Matheus says:

        Observador,

        De opções viáveis, o usuário acaba tendo somente o Youtube mesmo, sites de streaming piratex ou então pagar pelo Netflix e assemelhados.

        Estamos reféns da Google para tudo hoje em dia, não só o Youtube, onde até houve processo nos EUA para apurar possível concorrência desleal da Google, Microsoft, Apple e outras gigantes da tecnologia. Saiu nas manchetes pouco tempo atrás…

        Único ponto positivo em estarmos reféns da Google, é que dificilmente eles tornarão todo o Youtube pago. Se isso acontecer, haverá protestos, passeatas nas ruas, é capaz até de atacarem a sede da Google kkkk, então acho que é bem improvável que eles façam algo do tipo. A maioria dos internautas não usa Bloqueador de Anúncios, então o lucro que a Google tem com as publicidades no Youtube é sempre muito alto, isso sem levar em consideração o lucro pela coleta de dados dos usuários…

        Sobre o AV da Microsoft, muitas vezes o módulo AV do Comodo tem Taxa de Detecção maior que o Windows Defender… Isso que o módulo AV nem é o foco da Comodo. Fora Antivírus baseado em definições, o que o WD oferece? Nada, zero.

        O Comodo, oferece HIPS (Mais poderoso que o HIPS do Kaspersky segundo os testes da antiga Matousec), Contenção Automática baseada em Virtualização + Restrições de Acesso, Anti-Executável, Monitoramento de Processos Vulneráveis, Bloqueador Comportamental (VirusScope) e um Firewall com filtragem de pacotes avançada e monitoramento de conexões de saída, tudo isso baseado num critério de Lista Branca que o próprio usuário pode modificar. Mesmo o Windows Defender corporativo, não tem como se comparar a isso.

      • Observador says:

        Sim, Matheus,

        Estamos reféns do Google ( embora, possamos usar outro mecanismo de pesquisa, como o DuckDuck Go, bem mais seguro e privado, algo que o Google não é), em muita coisa, como no Streaming, só tem mesmo o YouTube e os “piratex”, como vc. mesmo disse.

        E MS, Apple e afins, são todos chupadores de informações dos usuários. Não há para onde correr, infelizmente. Ainda temos que agradecer pelo fato do Google manter o YouTube sem precisar de cadastro, mesmo só para navegar, como outros sites exigem.

        Windows Defender, piada sem graça! Tenho um amigo programador sênior, que defende o WD como o Bil Gates nos seus melhores dias. Já disse para ele que um dia ele irá descobrir que jamais deveria depender do WD para se manter seguro.

        Grato, abraços.

    • Henrique - RJ says:

      Observador

      Bom dia.

      Já procurou no mercado de usados do site OLX um nobreak barato de alguém que esteja vendendo perto de você ?

      Olha que até em ferro-velho você deve encontrar um por 10 conto de Réis só tendo que trocar a bateria dele por uns 80 reais.

      É que geralmente as pessoas jogam fora as coisas só por serem velhas ainda que funcionem.

      Eu ainda tenho aqui nobreak da SMS de 15 ou 20 anos atrás funcionando ( Manager II ).

      Quanto a player de músicas eu uso no Linux o VLC, o Clementine e completíssimo QMMP.
      Windows é uma plataforma privada o que acaba induzindo sempre a gastar grana em softwares de terceiros os quais ainda revertem direitos ( $$$$ ) á Micro$oft ou seja, ela só ganha e ganha direta e indiretamente …

      Você pode tentar abrir um tópico no fórum do Clube do Hardware na sala relacionada a multimídia e esperar que alguém mais dedicado a essa questão te dê uma boa sugestão de programa gratuito que ninguém conhece.

      • Observador says:

        Caro Henrique – RJ, bom dia.

        Grato pela sua resposta. Vou tentar localizar um. Já li em vários fóruns a necessidade de um nobreak para proteger a fonte e o PC como um todo, das descargas elétricas. Até agora, sigo na sorte de não ter queimado nada por aqui, rs. Tenho um estabilizador, também da SMS, que só mantenho a TV ligada nele, pois vi nos fóruns que ao invés de ajudar o PC, fonte, etc., pode é facilitar a queima dos equipamentos.

        Uso o OS Windows, já que ele veio pré instalado. Vc. usa o Linux, correto? Não conheço os players usado por vc.

        Eu não mantenho nada pago no meu PC, pois dinheiro não dá em árvores. Talvez se um dia chover muito dinheiro ao invés de água que vem das nuvens, talvez eu passe a gastar com softwares, rs. Até lá, não adianta a MS mostrar toda hora no Store dela os “ótimos” softwares pagos, pois não me convencerá. Não tenho dinheiro sobrando e se tivesse, gastaria em algo mais proveitoso. A MS que se contente com o que já me tirou quando comprei o equipamento e ele já veio com o Windows pré instalado e com valor incluindo no preço final.

        Grato pelas dicas, tenha ótimo dia!

        Abraço.

  3. Observador says:

    Caro Henrique – RJ, bom dia! Deus esteja contigo.

    Não encontrei uma opção de responder direto no seu post, faço por aqui mesmo.

    Grato pela resposta ( longa, porém útil).

    Exato. Concordo com praticamente tudo o que vc. escreveu. Há uma campanha grande contra a Fé, principalmente, a Igreja Católica, que, por ser una, ter um só líder ( o Papa), é o alvo principal dos que desejam tecer honras ao Maligno, não a Santíssima Trindade.

    Vc. citou bem, São Bento, rigoroso como um militar ( e, para se manter a fé, é preciso rigor militar), é uma inspiração. Tem tb. Santo Inácio de Loyola, fundador da Ordem dos Jesuítas, que inclusive foi militar antes da sua total conversão.

    Você, caro amigo ( me permita chamá-lo assim), está coberto de razão na sua explanação. Seus exemplos comprovam isso. Há por exemplo, uma grande profanação de Igreja na França, provavelmente, provocada pelos imigrantes, claro, não todos, mas aqueles que querem espalhar o mal, a destruição. E tem tb. os anti religião que apoiam tudo que vai contra os ensinamentos do Pai, mas não vou me alongar porque aqui não é assunto para isso, peço desculpas ao dono do Blog, Victor Hugo. Se fosse outro blog, site de tecnologia, eu já teria sido expulso daqui por falar sobre outro assunto, embora concorde que, por exemplo, a ação dos hackers do mal, tem a ver com a ausência de Deus na vida deles.

    Orai e Vigiai, disse Jesus Cristo.

    Leio as suas participações no fórum do Clube do Hardware, e tenho aprendido muito. Vc. argumenta com os usuários com clareza e informação útil. Parabéns!

    Hoje em dia, redes sociais ( não tenho perfil em Instagram, FB, Twitter, Reddit, etc.), são inseguras e sem privacidade. O Google, a MS, tb. não primam pela segurança, privacidade. Volto a falar que o Windows Defender, não ” defender”, ninguém de vírus algum e tem gente fazendo festa para este Av inútil. Por aí vai.

    Excelente Domingo, Henrique – RJ, grato pela explanação e Siga bem. Deus contigo.

    Abraços.

  4. Observador says:

    Bom dia, Matheus,

    Obrigado pelas informações e por ter testado o BleachBit e me informado ainda mais detalhadamente.

    Antes de ler as suas respostas aqui, eu baixei o BleachBit e percebi do por quê ele vir com as opções de limpeza desmarcadas por padrão. Cada item que se marca, aparecem as opções explicadas com detalhes. Eu testei, por receio de fazer algo errado, só as opções de limpeza que ficam muito claro não provocar nenhum problema no SO, como: arquivos temporários, históricos dos navegadores e limpeza da área de trabalho ( limpando o “copiar” e “colar”, principalmente). Percebi que ele limpa melhor que o CCleaner.

    Claro que com a sua informação de não fazer a Análise Profunda, nem o O Espaço Livre em Disco, é muito oportuna, necessária ( já salvei as suas orientações no PC). A sua informação que após a limpeza feita em seu PC, não provocou nenhum problema, incluindo aí, no Comodo Firewall, é muito importante. Já sei que posso marcar tudo, menos as duas opções citadas por vc.

    Também pretendo manter o CCleaner junto com o BleachBit, pelos menos por enquanto, tb. pelos motivos citados por vc. Mantenho o Voodoo Shield pela análise do Vírus Total. Para os desenvolvedores, realmente, deve ser difícil pagar a conta com o Google, embora, espero, tenham pessoas comprando o produto pelo fato de ter mais recursos na versão paga. Se não, eles não poderão manter o software funcionando.

    Sobre a limpeza do Registro: qual a grande vantagem em limpá-lo, na verdade?

    Tem muita gente que questiona a necessidade em limpar o registro. Penso eu, que limpando, não tornará o sistema mais rápido, mas excluirá chaves de softwares já excluídos, incluindo aí, scans anti vírus, e outros softwares que talvez, provoque alguma brecha na segurança do SO, ou venha a atrapalhar o bom funcionamento do mesmo.

    Se tiver mais esclarecimentos sobre a necessidade de limpar o registro, agradeço, caro Matheus.

    Obrigado pela atenção. Bom Domingo a todos deste blog. Abraços.

    • Matheus says:

      Observador,

      Sou adepto que a Limpeza de Registro é necessária, mais para eliminar entradas obsoletas no Registro referente a programas desinstalados, que posteriormente podem atrapalhar a instalação desses mesmos programas, ou de outros de natureza semelhante (softwares Antivírus e de segurança). O Comodo é um exemplo, o desinstalador normal dele deixa muita coisa para trás, o CCleaner com todas opções ativadas exceto “apagar espaço livre” (Incluindo também a limpeza de Registro) e o Auslogics Registry Cleaner eliminam esses vestígios, mas por vezes se faz necessário o uso de uma ferramenta de desinstalação forçada disponível no Fórum da Comodo (mesmo essa ferramenta, deixa algumas chaves de registro para trás, que os referidos limpadores dão conta de eliminar).

      O BleachBit acaba sendo também uma opção oportuna para ajudar a remover restos do Comodo, por exemplo ao desinstalar o Comodo do sistema eu provavelmente marcaria a “Análise profunda” do BleachBit para auxiliar na remoção de resquícios do Comodo, depois desmarcaria de novo. Quanto maior a segurança que um software agrega, mais profundo ele irá se enraizar no sistema. É o custo que se paga por boa proteção.

      • Observador says:

        Bom dia, Matheus,

        Obrigado pelas informações e orientações. É bom saber o que é importante limpar no Registro do Windows. Pelo que vc. informa, o restante que está no Registro ( Regras de Firewall, etc.), que vem marcada por padrão no CCleaner, não é tão importante excluir, mas as chaves de programas que foram desinstalados, devem ser excluídas. Isso evitará problemas futuros. Farei isso sempre que desinstalar algum programa, grato.
        Manterei aqui os dois softwares, CCleaner e BleachBit, no meu PC. Eles trabalham bem juntos.

        Tenha uma ótima terça, Matheus e todos os demais membros e frequentadores do blog.

        Abraços.

        PS: o VLC Player sempre tem brechas de segurança. Qual o melhor player indicado por vcs.?

      • Matheus says:

        Observador,

        Recomendo que remova por meio dos limpadores as chaves relacionadas ao Comodo, quando o tiver desinstalado (O CCleaner e o Auslogics só as detectam quando o Comodo for removido, outros limpadores de registro detectam/eliminam chaves do Comodo com ele instalado, aí que está o problema). Por sinal o Comodo é o tipo de software que o usuário tem que desinstalar, limpar vestígios e re-instalar ao menos uma vez por ano (ficar atualizando muitas versões de programa do Comodo uma por cima da outra, geralmente corrompe a instalação). Outra coisa que corrompe instalações do Comodo (e de qualquer outro software de segurança) são quedas de energia. Estou faz tempo com a intenção de comprar um Nobreak pro meu PC por esse motivo mas sempre acabo me esquecendo…

        Interessante você ter dito que o VLC Media Player sempre têm falhas, e é verdade mesmo. Aquele MVP lá daquele site, diz que não precisa instalar Codec nenhum no Windows, e indica o VLC no lugar de Codecs, pois segundo ele o VLC reproduz qualquer formato de vídeo, e os Codecs costumam ter Vírus (Nesta parte acho que ele até tem razão). Mas sair indicando o VLC para todo mundo como ele faz, é por os usuários em risco pois se trata de um queijo suíço repleto de falhas (O Adobe Flash e o Java também são reis no quesito falhas, não uso nenhum dos dois).

        Aqui só uso o Windows Media Player mesmo com o K-Lite Codec Pack. Maioria do conteúdo que assisto é por meio do Youtube ou sites de streaming, então não costumo instalar softwares terceirizados para reprodução de mídia.

  5. Observador says:

    Bom dia a todos deste blog excelente!

    Obrigado Victor Hugo ( mantenha o blog funcionando, por favor), ao Henrique – RJ e ao Matheus.

    Matheus,

    Grato pela resposta. Eu sigo com o KSC Free, Voodoo Shield, Comodo Firewall. Creio estar bem servido aqui, obrigado.

    Ótimo que o BleachBit é seguro pelo Vírus Total. Pois é, como ele vem por padrão desmarcada as opções de limpeza, acabei não testando ele, já que é preciso analisar o que se pode limpar em termos de arquivos sem corromper o sistema. Já limpei o Registro do Windows com o CCleaner e não tive problemas. Grato por orientar para não limpar o Registro pelo risco de corromper o Comodo Firewall, pois ficam regras dele lá no Registro.

    Penso que é bom ter uma opção ao CCleaner para limpeza apenas. Sei que “otimizadores” só danificam o SO Windows. No passado, quando não sabia, cheguei a ter instalado o famigerado software da Iobit ( chinesa), um desastre total! Outros programas, como Wise Disk Cleaner, Ashampoo, Tune Up, Gary Utilities, etc., são péssimos e perigosos. Iobit, Wise, Gary, todos chineses, lástima.

    Creio que irei testar mais a frente o BleachBit. É importante limpar os arquivos do Windows e demais aplicativos do PC, tanto para otimizar como para manter a privacidade.

    Caso vc. teste o BleachBit, Matheus, post aqui, por favor.

    Ótimos fds a todos. Deus proteja vocês.

    Abraços.

    • Matheus says:

      Observador,

      Sobre o BleachBit, o único item a ser marcado no Menu que parece que poderia ser problemático é a sessão “Análise profunda”, se quiser pode marcar todos exceto ele que não terá problemas (a não ser que tenha Senhas salvas no histórico dos Navegadores ou Coockies a serem mantidos).

      Sobre o Voodoo Shield, ele não é necessário aliado ao Comodo Firewall que também pode ser configurado como Anti-Executável (o que o Voodoo Shield é em sua essência). A não ser que esteja usando o VoodooShield por causa do recurso de Verificação através do VirusTotal que acho bastante útil (Eles devem estar pagando uma nota anualmente para a Google permitir que usem a Verificação do VirusTotal em seu produto).

      Um otimizador que já testei e recomendo é o Auslogics Boost Speed. Mais pela limpeza de registro mesmo, que pode ser obtida por meio do limpador de registro avulso deles. O CCleaner, e a Limpeza de Disco do próprio Windows (recomendável para recuperar algum espaço em disco consumido pelo Windows Update) acabam tornando desnecessário o uso de otimizadores. Ainda mais existindo o guia do Black Viper para redução de Serviços no Windows e o Defraggler para desfragmentação que é mais forte que todos os concorrentes. Ou seja, é melhor usar ferramentas “avulsas” para a otimização do que um único software voltado para isto, na minha opinião.

      • Matheus says:

        Observador,

        Acabei de testar o BleachBit no meu Windows 7 x64. Marquei todas as opções exceto “Análise profunda” e “Sistema -> Espaço Livre em Disco” (Este último não deve ser feito sempre, só quando quiser liberar espaço em Disco usado por arquivos deletados). Limpou cerca de 84 MB. Reiniciei a máquina e testei o HIPS do Comodo com o Comodo Leak Test e o Antitest.exe da Spyshelter, tudo OK. Dá pra usá-lo sem problemas com o Comodo. Na minha opinião é um substituto a altura do CCleaner, apesar que vou manter também o CCleaner pelos recursos de gerenciar itens da Inicialização do Windows e Tarefas do Agendador de Tarefas, assim como a Limpeza de Registro. Em matéria de Limpeza de Temporários, o BleachBit parece um pouco mais eficaz que o CCleaner, mas como disse usarei ambos.

Deixa aqui o seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: