Cuidado com o que você compartilha na Internet

foursquareQuando falamos dos perigos em compartilhar informação nas redes sociais, as primeiras palavras que vêm à mente da maioria das pessoas é Twitter e Facebook. Enquanto nós escrevemos sobre os perigos de expor suas localizações físicas ou geográficas através do Foursquare, esta plataforma tornou-se o veículo para outros tipos de ameaças.

No Twitter, existe um “jogo” que estimula as pessoas a publicar uma foto do seu cartão de crédito ou débito – por incrível que pareça – sim, algumas pessoas realmente fazem isso. E agora chegou ao Foursquare. Muitos usuários desta rede social involuntariamente compartilham informações pessoais usando os recursos de fotos do aplicativo que permite fazer o upload de imagens do que eles estão fazendo naquele momento, incluindo, muitas vezes, dados confidenciais. Isso cada vez mais vem acontecendo em locais onde os dados pessoais são combinados com longo tempos de espera, isto é, em órgãos públicos, como embaixadas, escritórios, etc. Assim, os usuários usam seus smartphones para se distrair e terminam compartilhando imagens dos seus passaportes, carteiras de motorista, endereços residenciais e similares para mostrar aos seus amigos. Uma vez publicados na Internet, qualquer pessoa pode vê-los, especialmente em Foursquare onde não é necessário ser usuário para visualizar as imagens. Por esse motivo, os cibercriminosos aproveitam a plataforma para para realizar seus ataques.

Outra ameaça que o Foursquare tem lutado é o phishing, que é quando os cibercriminosos tentam obter informações dos, como senhas ou números do cartões de crédito com dados “legítimos”. Conhecedores da popularidade do Foursquare, eles enviam aos usuários solicitações de amizade que incluem links maliciosos que direcionam a vítima a uma página infectada. O Foursquare recomenda que os usuários não cliquem nos links dos pedidos de amizade e que sejam cautelosos com as mensagens de desconhecidos.

Agradeço ao Davi e ao Lucas, amigos e colaboradores do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Kaspersky blog

AeroFS: privacidade no compartilhamento de arquivos

Aerofs

Você busca um serviço de armazenamento em nuvem com foco na privacidade? Conheça o AeroFS

AeroFS aposta na privacidade e P2P

Baseado em tecnologia P2P, o AeroFS precisa estar instalado em cada máquina que receberá ou enviará arquivos.

Ele tecnicamente transforma o seu computador em um servidor na nuvem. O espaço que estará disponível é de seu HD e só é compartilhado com as pessoas que você escolher.

Outro ponto importante é a sua encriptação, já que para transferir os arquivos o AeroFS utiliza a criptografia AES-256 com RSA de 2048-bit. Por ser uma conexão de ponto a ponto a empresa garante que não há como eles verem o que é compartilhado.

Caso tenha receio de que seja difícil de usar, não se preocupe, pois não poderia ser mais fácil desfrutar do AeroFS.

Primeiro, acesse seu site oficial e cadastre-se com seu e-mail. Você receberá um link de verificação, onde após isso preencherá o cadastro com seu nome, sobrenome e senha.

De referir ainda que o AeroFS permite que se defina a taxa de download e upload máxima que o serviço poderá usufruir.

Com isso, você realizará o download do software, que automaticamente ajustará a sua máquina para se tonar um “servidor de compartilhamento”.

Em conjunto, o AeroFS automaticamente cria uma pasta de compartilhamento, onde pode jogar qualquer arquivo que deseja enviar para os computadores registrados, como demonstra a imagem abaixo.

Agradeço ao Davi e ao Lucas, amigos e colaboradores do seu micro seguro, pela referência a esta notícia.

Fonte: Baboo