Conheça o BitDefender Home Scanner

A Bitdefender lançou recentemente o Bitdefender Home Scanner, um utilitário gratuito que verifica sua rede doméstica e dispositivos conectados em busca de vulnerabilidades.

O software pode detectar dispositivos com criptografia “pobre” ou com autenticação insegura, credenciais de login com senhas fracas e “backdoors ocultas”.

Depois da verificação inicial, o Bitdefender Home Scanner lista os dispositivos encontrados na rede e seu status. As informações exibidas incluem nome do fabricante, endereço IP, Endereço MAC, tipo do dispositivo e mais.

Caso alguma vulnerabilidade seja encontrada, o software destacará o dispositivo vulnerável na lista (como pode ser visto nas imagens abaixo) e fornecerá mais algumas informações.

A Bitdefender recomenda que todos os dispositivos conectados à rede sejam mantidos sempre atualizados.

O Home Scanner está disponível para download aqui e é compatível com o Windows 7 e versões posteriores. Mais informações sobre ele podem ser encontradas aqui.

Agradecemos ao Igor, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Baboo

Software detecta ransomware antes de criptografar o PC

cybereasonO ransomware foi uma das maiores ameaças cibernéticas de 2016 — e o cenário deve piorar para 2017. O vírus tem um potencial catastrófico: ele sequestra todos os arquivos do seu PC via encriptação. Para liberar esses arquivos, um cibercriminoso, normalmente, cobra um valor X em bitcoins. Apesar da maioria dos ataques estarem voltados para computadores corporativos, usuários finais de todo o mundo também sofreram nas mãos de ransomwares neste ano que passou. Agora, é hora de se proteger.

A Cybereason, companhia de segurança de Boston (EUA), desenvolveu o RansomFree, uma ferramenta gratuita que detecta ransomwares em tempo real. O programa tem a capacidade de notar rastros do vírus antes que ele comece a encriptar os arquivos. Assim que ele detecta a presença do malware, ele envia um alerta e oferece algumas opções.

O RansomFree é compatível com dispositivos que rodam em Windows 7, Windows 8, Windows 10, Windows Server 2010 R2 e Windows 2008 R2. De acordo com a desenvolvedora, o programa consegue detectar todos os ransomwares mais utilizados por cibercriminosos, como o Locy, TeslaCrypt, Cryptwall e Cerber.

“A ferramenta identifica comportamentos de ransomware, incluindo tentativas de segmentação de discos locais, bem como detecção e impedimento de criptografia sobre as unidades de rede compartilhadas”, explicou a Cybereason ao HackerNews.

Você pode fazer o download do RansomFree clicando aqui.

O software é seguro e livre de ameaças como se pode comprovar aqui.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Tecmundo

Microsoft reforça segurança do navegador Edge

defender_app_guard_windowsA Microsoft anunciou nos últimos dias, durante o segundo dia de sua conferência Ignite, em Atlanta (EUA), uma nova ferramenta para tornar o Microsoft Edge do Windows 10 mais seguro em ambientes corporativos. Denominada Windows Defender Application Guard, a solução não permite que malwares consigam acessar o restante da máquina ou da rede.

Na prática, isso significa que o vírus será executado apenas na máquina virtual, em algo parecido com uma prisão de segurança máxima, de acordo com a Microsoft. Em sua apresentação, a fabricante argumentou que outros navegadores ainda deixam as empresas vulneráveis a 90% dos ataques mais prevalentes por não usarem proteção baseada em hardware.

A tecnologia, no entanto, só começa a funcionar no início de 2017 para empresas que vão testá-la e no restante do ano para um público maior. A empresa apresentou também novas funcionalidades de segurança para o Office 365, como o aprimoramento dos recursos de proteção que protegem os usuários de clicar em endereços maliciosos, por exemplo.

Essa ferramenta funcionará em serviços como o SharePoint, onedrive for Business, Word, Excel e PowerPoint. Os administradores de segurança, principalmente do setor financeiro, também contarão, em breve, com dados de milhões de máquinas que rodam o Windows para se protegerem melhor, ainda segundo o anúncio da Microsoft.

Agradecemos ao Igor, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Canaltech Corporate e Techcrunch

Preview recente do Windows 10 traz nova ferramenta que elimina bloatware

fresh_startA Microsoft determinou uma pausa temporária no lançamento de novos recursos para o programa Windows Insider nos últimos dias, mas as novas builds continuam sendo liberadas com a empresa focando seus esforços em acabar com os bugs – a build 14367, por exemplo, foi liberada em 16/06.

Apesar da falta oficial de novos recursos, essa build 14367 traz alguns pontos interessantes à medida que o lançamento do Update de Aniversário do Windows 10 fica mais perto de chegar – incluindo um recurso que facilita a retirada de bloatware do seu computador.

O utilitário Start Fresh finalmente faz parte dela após sido sugerido em maio.

O que faz o Start Fresh

O Start Fresh remove todos os softwares e aplicativos que não vem em uma versão padrão do Windows 10 – incluindo o pacote Office completo.
Pelo lado positivo, também remove totalmente qualquer bloatware (software basicamente inútil) da fabricante do seu computador, algo que as opções Atualizar e Reiniciar não fazem.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: IDG Now!

Conheça o ótimo Kaspersky Security Scan (é grátis)

kaspersky_secury_scanVocê pode até achar que é paranoia, outros pensam ser senso comum: sabemos que é sempre uma boa ideia verificar duas vezes caso você suspeite que tenha algo errado com seu PC.
Com tantas ameaças online – ransomwares, keyloggers, trojans – melhor prevenir do que remediar, não é mesmo?

O Kaspersky Security Scan, ferramenta gratuita para o Windows, verifica o sistema em busca de malware, vírus e vulnerabilidades de softwares. Ele utiliza o Kaspersky Antivírus Premium para detectar as últimas ameaças antes que elas infectem seu computador.
Além disso, mantém os softwares mais importantes do seu sistema atualizados.

Caso você não saiba, cibercriminosos se aproveitam de bugs (vulnerabilidades exploráveis em softwares) para atacar os dispositivos das vítimas. Por isso, os usuários devem instalar patches e atualizações de segurança logo que disponíveis. O Kaspersky Security Scan auxilia nessa tarefa também.

Após verificar seu computador, a ferramenta cria um relatório detalhado sobre qualquer ameaça e vulnerabilidades, o que inclui recomendações de como eliminá-las e melhorar a proteção de seu sistema.

Faça o download do Kaspersky Security Scan para Windows aqui e mantenha seu sistema seguro. Lembre-se: é de graça.

Agradecemos ao Davi e ao Paulo Sollo, colaboradores amigos do seu micro seguro, pela referência a essa matéria.

Fonte: Kaspersky blog

Conheça o Kaspersky Virus Removal Tool. É grátis!

kaspersky_removal_toolDiariamente, internautas ao redor do mundo estão suscetíveis a novos ciberataques desenvolvidos por criminosos. Infelizmente, muitas pessoas continuam a não usar antivírus e firewall. Já os cibercriminosos, bem cientes disso, se aproveitam.

Chame de ingenuidade ou irresponsabilidade. O fato é que esses usuários acabam sendo um meio para a infecção de dispositivos de outras pessoas com as quais se comunicam, tornando-se verdadeiros assistentes dos cibercriminosos. Muitas vezes, isso acaba ocorrendo por pura falta de conhecimento.

Já que você está lendo esse blog, podemos supor que se preocupa com cibersegurança e provavelmente quer que seus amigos e familiares também estejam protegidos. Se eles não estiverem, claro que podem acabar transmitindo um vírus para você e sua rede de contatos. Por isso, é importante verificar seus dispositivos frequentemente. Agora temos uma ferramenta grátis com esse propósito.

O Kaspersky Virus Removal Tool é uma ferramenta gratuita e simples. O programa verifica seu PC em busca de malware e o deixa livre deles. Não se trata da melhor opção para proteção contínua, pois o software atualiza suas bases de dados apenas quando instalado no dispositivo. Contudo, é especialmente útil em momentos de dúvida ou emergencial.

Por onde começar

  1. Baixe a Kaspersky Virus Removal Tool.
  2. Abra o programa.
  3. Clique em “Start scan”.
  4. Espere alguns minutos até que o software verifique todos os arquivos.
  5. Clique em “details” para ter acesso a detalhes da verificação.
  6. Ao fechar a janela, a ferramenta é deletada do seu computador.

Baixe sempre a versão mais recente do programa antes da verificação, já que os bancos de dados não são atualizados automaticamente. Não é preciso desinstalar a ferramenta depois da verificação, ela é completamente removida do sistema após concluído o processo. A propósito, você pode executar a Kaspersky Virus Removal Tool de um pendrive ou drive online.

Fonte: Kaspersky blog

Kaspersky lança ferramenta de combate à ransomware

kaspersky_decryptorPesquisadores da Kaspersky Labs quebraram a criptografia do ransomware CryptXXX e agora a empresa disponibilizou uma ferramenta gratuita para ajudar as vítimas.

Com a ferramenta gratuita da Kaspersky Labs disponível aqui, as vítimas do ransomware CryptXXX poderão recuperar seus arquivos sem que seja necessário pagar o “resgate” para os criminosos.

Além do CryptXXX, a ferramenta também ajuda vítimas dos ransomwares Rannoh, AutoIt, Fury, Crybola e Cryakl.

O ransomware CryptXXX foi descoberto inicialmente por pesquisadores de segurança da Proofpoint.

Diferente de outros ransomwares, que apenas criptografam os arquivos e exigem um pagamento, o CryptXXX criptografa os arquivos usando a extensão .crypt e também pode roubar informações armazenadas no computador.

Depois de infectar o PC, geralmente via download de um arquivo malicioso, o ransomware CryptXXX criptografa o disco rígido e cria três arquivos. Estes arquivos exibem o “pedido de resgate” como um papel de parede, página da Web e arquivo de texto.

O “pedido de resgate” afirma que o sistema foi bloqueado usando criptografia RSA4096 e que é necessário pagar US$ 500 em Bitcoin se o usuário quiser ter seu sistema desbloqueado.

Agradecemos ao Davi, colaborador amigo do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Baboo