Site falso do Ponto Frio oferece iPhone 6 por apenas R$ 1 mil

anuncio_falsoSe você está pensando em comprar um iPhone 6, é bom tomar bastante cuidado com um site falso que está enganando alguns usuários aqui no Brasil. Imitando parcialmente a interface da loja Ponto Frio, a página oferece o último smartphone da Apple em sua versão de 16 GB por apenas R$ 1 mil.

A farsa fica evidente não apenas no preço, mas até na URL da página. O endereço mostrado, obviamente, não é o do Ponto Frio, e até a interface não é completamente exibida nesse site falso. Porém, os criminosos tomaram o cuidado de criar alguns links para a loja original, como aqueles que encontramos nas categorias de produtos da barra superior.

Se por acaso você der de cara com o site da imagem acima, fique esperto: a página é falsa e você provavelmente não vai conseguir comprar um iPhone por R$ 1 mil.

Agradecemos ao Davi e ao Marcelo Miranda, colaboradores amigos do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Tecmundo

Página falsa no Facebook promete iPhone 6 grátis

iphone6Muitos esquemas no Facebook tendem a surgir na fase de preparação para um grande lançamento da Apple. O lançamento dos novos iPhones não foi excepção e já existe uma página no Facebook que diz oferecer estes dispositivos aos usuários.

Porém e como não será de estranhar, trata-se de uma fraude.

Desta vez, o esquema promete um iPhone 6 assim que o usuário tiver concluído três passos. Para que isso aconteça é necessária a resposta a perguntas de uma pesquisa e o download de uma aplicativo de participação.

Quando a vítima completa o questionário, os internautas recebem a mensagem com a promoção falsa. Além disso, quando o mesmo está finalizado o usuário recebe a mensagem de que ocorreu um erro e como tal acaba por nunca receber o tal iPhone grátis.

Por tudo isto, tenha muito cuidado com ofertas generosas no Facebook porque, na grande maioria das vezes, não passam de fraudes destinadas à obtenção de dados pessoais.

Agradeço ao Davi, amigo e colaborador do seu micro seguro, pela referência a essa notícia.

Fonte: Eset blog